Blog da UC de Gestão de Comunidades de Aprendizagem online
pesquisar neste blog
posts recentes

Balanço final do trabalho por projeto

Balanço do Projeto de Intervenção

Balanço Geral

As decorações do Natal

Reflexão Intermédia

O Diário de Turma e o Conselho de Turma!

A importância do estágio supervisionado para a formação de professores

Alguma angústias e preocupações durante a prática pedagógica

Estratégias !

Momento de autonomia das crianças

arquivos

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

participar

participe neste blog

Domingo, 17 de Novembro de 2013
Dia de São Martinho

 

Olá, meninas!

 Como vocês sabem estamos a estagiar numa turma de 3.º ano de escolaridade. E, no dia 11 de novembro celebramos o dia de São Martinho.

Com este post pretendemos dar a conhecer o que fizemos com a nossa turma, mas também procurar saber como é que foi esse dia nos vossos contextos.

Nesse dia, na parte da manhã trabalhamos a lenda de São Martinho, analisando-a com os alunos. Além disso, procuramos refletir sobre o que a lenda nos transmitia.

Um dos momentos que os alunos mais gostaram foi quando se colocaram no papel do soldado. Tiveram de dizer o que ofereceriam se aparecesse, naquele momento, um pobre a pedir uma esmola.

Posteriormente, fizeram uma banda desenhada, onde o objetivo era que os alunos selecionassem os quatro momentos mais importantes da lenda. De seguida, fizeram as falas para as personagens.

Como era dia de Magusto, não podia faltar as castanhas.

 

 

 

As castanhas foram distribuídas no espaço exterior, onde os alunos puderam brincar uns com os outros. No final, ouviram uma música sobre o Magusto.

E nos vossos contextos celebraram o dia de São Martinho? O que fizeram?

 

Continuação de bom trabalho :)

Daniela Ferreira e Joana Ferreira

 

 

 


tags: , , ,

publicado por joanaazevedo às 00:11

13

De vaniacastro a 18 de Novembro de 2013 às 18:33
Olá meninas :)
No nosso contexto também celebramos o dia de São Martinho :)
Começamos por, na hora do acolhimento, contar a lenda de São Martinho e tentar "descodificar" o que dizia a lenda. Posteriormente, podemos ouvir um música sobre esta lenda de uma livro intitulado "Canta o galo gordo - poemas e canções para todo o ano" da editora caminho, que por sinal, a meu ver, tem músicas muito engraçadas que retrata vários temas que podem ser trabalhados com as nossas crianças.
Feito isto, foram distribuídos uns desenhos alusivos à lenda e as crianças tiveram que os pintar.
Com não podia faltar, as nossas crianças também comeram castanhas :) Começamos por ir todos para o espaço exterior, onde fizemos uma roda gigante à volta de uma fogueira onde se assavam algumas castanhas.
As crianças adoraram este momento e nós também, pois correu tudo lindamente e elas estavam muito alegres e satisfeitas.
Continuação de bom trabalho.
Beijinho,
Vânia Castro


De danielafferreira a 19 de Novembro de 2013 às 22:32
Olá Vânia :)

A canção que usamos no dia de São Martinho foi do livro (incluindo CD) " Comemorações em 26 Canções", de Fernando Paulo Gomes: http://www.fnac.pt/Comemoracoes-em-26-Cancoes-Fernando-Paulo-Gomes/a614695.
Assim, aproveitamos para sugerir este livro, que podes usar no teu contexto. Este tem canções para as datas e os dias especiais ao longo do ano.
Além disso, um outro livro que podes utilizar na educação pré-escolar é "As Canções da Maria", de Maria Vasconcelos e Nuno Markl: http://www.fnac.pt/Maria-de-Vasconcelos-As-Cancoes-da-Maria-Livro-CD-sem-especificar/a551699.
Este livro tem canções que permitem trabalhar a área de conhecimento do mundo ( por exemplo, como circula o sangue no corpo) e a área de expressão e comunicação, nomeadamente no domínio da matemática ( por exemplo, os números).

Continuação de Bom Trabalho :)
Beijinhos,
Daniela Ferreira e Joana Ferreira


De mrmo a 19 de Novembro de 2013 às 20:27
Olá meninas :)

No nosso contexto também celebramos o dia de São Martinho.

A manhã foi iniciada com a leitura da Lenda de São Martinho, sendo que a seguir à leitura da lenda estivemos com o grupo de crianças a ordenar imagens representativas da lenda, ou seja, a sequência dos acontecimentos.

Na parte da tarde estivemos com as crianças a realizar cartuchos com jornal para que estas pudessem usar para colocar as castanhas, uma vez que estivemos a assar castanhas no recreio para o nosso grupo de crianças, com o objetivo de festejar o magusto.


Continuação de um bom trabalho!
Beijinho.
Márcia Oliveira.


De baptista a 21 de Novembro de 2013 às 17:39
Olá meninas :)

Eu fiz o mesmo que a Márcia, apesar deste dia de intervenção pedagógica ter sido mediado pela mesma, porque eu e ela formamos uma díade.

Continuação de bom trabalho :)

Beijinho.

Sandra Baptista.


De carolina-dias a 29 de Novembro de 2013 às 17:17
Olá Daniela e Joana

Respondendo às vossas questões, também celebrámos o dia de São Martinho no nosso contexto e algumas atividades foram semelhantes às vossas. Iniciámos a celebração desta festividade uma semana antes, uma vez que o dia de São Martinho foi numa segunda-feira e como apenas estamos dois dias e meio no contexto queríamos ter tempo para trabalhar esta temática. Vocês apenas trabalharam na segunda-feira ou prolongaram por mais dias?
Na semana anterior eu e a minha colega de estágio dramatizámos a lenda de São Martinho às crianças, sendo que algumas crianças, posteriormente, tiveram oportunidade de realizar o teatro para os colegas, conforme foi realizado por nós adultos.
Depois, através da B.D., as crianças mais velhas tinham 6 espaços na qual tinham que desenhar a história por partes, e as mais pequenas tinha que em 4 espaços colar as 4 imagens por ordem da história. Vocês também diferenciaram a vossa B.D. conforme a idade das crianças ou todas realizaram o mesmo?
Ensinámos também uma canção, decoraram castanhas e pedimos que em casa, com a família, recolhessem provérbios, canções, rimas, etc.. Já realizaram alguma atividade em que a participação da família é importante?
No dia 11 de novembro, voltámos a relembrar a canção ensinada e fizemos um bolo de castanhas :) que ficou muito delicioso, nhami nhami :p na parte da tarde as crianças reuniram-se com as crianças do 1.º CEB e comeram castanhas, pois foi um assador à escola.


Beijinho, Carolina.


De joanaazevedo a 29 de Novembro de 2013 às 23:41
Olá Carolina :)

Pelo teu comentário vemos que fizeste atividades divertidas com as crianças nesses dias.
Relativamente ao bolo, as crianças participaram na sua confeção? Se sim, conseguiram gerir bem a participação das crianças? E as crianças gostaram?
No semestre passado estivemos em contexto de educação pré-escolar e fizemos com as crianças uma salada de fruta. Estas participaram na sua confeção e gostaram muito porque é uma atividade em que utilizam objetos do dia-a-dia.
Respondendo às questões, ao contrário de vocês, nós celebramos o São Martinho apenas na segunda-feira, uma vez que estamos numa turma de 3.º ano do 1.º ciclo do ensino básico. Nos outros dias trabalhámos com os alunos outras áreas curriculares, visto que as fichas de avaliação se aproximam.
Respondendo à segunda questão, a nossa banda desenhada foi igual para todos.
Neste semestre (1.º ciclo), nós ainda não realizamos nenhuma atividade em que a participação da família fosse importante. No entanto, consideramos importante que haja uma participação ativa da família na vida educativa dos seus educandos, pois assim conseguem acompanhar o trabalho desenvolvido.
No semestre passado, envolvemos a família nas nossas atividades, por exemplo, pedindo às crianças que com a ajuda dos pais elaborassem a sua árvore genealógica para mais tarde apresentar às outras crianças.
Vocês fizeram bem em envolver a família, pois a “ educação pré-escolar situa-se na continuidade de processo educativo que a criança iniciou na família (…)” (Orientações Curriculares para a Educação Pré-Escolar, 1997, p.87). É importante que haja uma boa relação entre a instituição e a família, pois “são dois contextos sociais que contribuem para a educação da mesma criança (…)” (Orientações Curriculares para a Educação Pré-Escolar, 1997, p.43). Isto é, devem funcionar como uma equipa.

Continuação de bom trabalho :)
Beijinhos,
Daniela Ferreira e Joana Ferreira


Referência Bibliográfica:
Orientações Curriculares para a Educação Pré-escolar. (1997). Lisboa: Ministério da Educação - Departamento da Educação Básica - Núcleo de Educação Pré-Escolar.


De carolina-dias a 6 de Dezembro de 2013 às 15:08
Boa tarde meninas :)

Sim, as crianças participaram na confeção do bolo e, duas crianças mais velhas, realizaram, através do desenho, a receita do bolo. Penso que no geral conseguimos gerir bem a participação das crianças. Como existem alguns adultos dentro da sala conseguem controlar a possível agitação que se possa instalar. As crianças participaram todas, umas colocaram a farinha, outras os ovos, outras trituraram as castanhas com a ajuda do garfo, etc. Pelas expressões faciais, nomeadamente de contentamento e satisfação, posso dizer que as crianças gostaram desta atividade, estando bastante implicadas. Sendo uma atividade que as crianças identificam como sendo realizada em casa, pelos pais, ou por adultos, terem a oportunidade de serem os próprios a confecionar deixou-os felicíssimos. Também gostaram pela razão que disseram acerca da salada de fruta "gostaram muito porque é uma atividade em que utilizam objetos do dia-a-dia.".
Acham que é mais fácil no pré-escolar existir esta parceria entre pais e educadores nas atividades? Ou também é possível no 1.º CEB? Se sim, de que forma?

Obrigada e igualmente :)

Beijinho, Carolina.


De joanaazevedo a 8 de Dezembro de 2013 às 01:08
Olá Carolina :)

Nós pensamos que é mais fácil a parceria entre pais e educadores/professores na Educação Pré-Escolar, no entanto, não é impossível no 1.º Ciclo do Ensino Básico.
Consideramos mais fácil na Educação Pré-Escolar porque os pais estão mais próximos da educadora, pois diariamente são eles que levam os seus filhos à sala. Já no 1.º Ciclo do Ensino Básico normalmente os pais deixam os seus fllhos no portão da escola.
Sim, é possível envolver os pais nas atividades no 1.º Ciclo do Ensino Básico. Por exemplo, na festa de natal pode-se envolver os pais, pedindo para que estes participem numa dramatização juntamente com os seus educandos. Além disso, neste momento os alunos da nossa turma estão a estudar uma obra de literatura em que é necessário construir fantoches. Esses fantoches estão a ser construídos pelas crianças em casa juntamente com os seus pais.
E vocês quando estavam a estagiar no 1.º Ciclo do Ensino Básico envolveram os pais em alguma atividade?

Continuação de bom trabalho :)
Beijinhos,
Daniela Ferreira e Joana Ferreira


De carolina-dias a 8 de Dezembro de 2013 às 21:26
Olá Joana :)

Concordo contigo quanto à facilidade em realizar a parceria no pré-escolar como, também, as ocasiões em que os pais podem entrar em parceria com a escola no 1.º CEB.
Contrariamente a este semestre, que envolvemos os pais nas atividades, não só neste dia de São Martinho, como agora na festividade de Natal em que os pais tiveram que realizar coroas, no semestre passado não realizámos nenhuma atividade que tivesse esse intuito. Porém, vivenciámos essa parceria na festa final da escola em que os pais também participavam.

Beijinho,
Carolina.


De ana-vivas a 30 de Novembro de 2013 às 18:53
Olá Daniela e Joana.

Eu e a Sabrina estamos a estagiar na EB1 Solposto numa turma de 2º ano.
A nossa manhã foi muito paracida à vossa. Trabalhamos a lenda de São Martinho e depois as crianças ordenaram imagens sobre as lendas e tiveram que recontar a lenda através das imagens.
Após a lenda as crianças fizeram o seu cartuxo para as castanhas.

Na parte da tarde a associação de pais organizou o magusto. Ou seja, os pais assaram as castanhas e ofereceram aos alunos juntamente com sumo. Para simbolizar também este dia fizeram uma pequena fogueira onde assaram algumas castanhas.

Quando todas as crianças comeram castanhas, estas começaram-se a enfarruscar. Foi uma tarde de muita diversão para as crianças. Elas estavam muito felizes.

Na vossa escola não houve interação com os pais?
O que acham deste convívio entre pais alunos e professores?

Beijinhos
Ana Vivas



De joanaazevedo a 8 de Dezembro de 2013 às 01:24
Olá Ana :)

No nosso contexto não houve uma interação direta com os pais. A Associação de Pais levou para a escola as castanhas já assadas e nós juntamente com a professora da turma fomos distribuindo pelos alunos.
Consideramos o convívio entre pais, alunos e professores importante, pois é fundamental que haja uma boa relação entre todos para que a aprendizagem do aluno seja melhor.


Continuação de bom trabalho :)
Beijinhos,
Daniela Ferreira e Joana Ferreira


De samantacaleiro a 5 de Dezembro de 2013 às 18:20
Olá :)
Um dia comemorativo que é sem dúvida um ótimo ponto de partida para novas aprendizagens.
Como procederam à leitura e análise da lenda?
A banda desenhada foi feita em grande grupo?
Tal como vocês eu decidi não deixar passar em branco esta temática e parti da leitura encenada da lenda de São Martinho e da sua análise para a trabalhar.
Na etapa da leitura da lenda, para além de continuar com a leitura expressiva e entoada que havia feito nas atividades anteriores, decidi usar dois acessórios alusivos à lenda – capa vermelha (lenço vermelho) e espada – para cativar a atenção dos alunos. Apesar da simplicidade dos acessórios, a leitura tornou-se cativante, aproximando-se de uma pequena dramatização. No geral, os alunos compreenderam a lenda no seu todo, fazendo o seu reconto com um tom de entusiasmo e vivenciando o que estavam a contar.
Posteriormente, distribui uma ficha de interpretação da lenda de São Martinho para perceber se os alunos tinham compreendido o todo da lenda e trabalharem a escrita.
Na área do Estudo do Meio, foi abordada a estação do ano alusiva a esta festividade e os frutos do Outono. Esta atividade superou as minhas expetativas, pois no momento em que pretendia identificar os conhecimentos prévios dos alunos estes foram capazes de mencionar todos os frutos da época. Posteriormente, foi apresentada ainda a música “As castanhas” para que os alunos a aprendessem e cantassem. Nesta atividade que consistia em aprender a música decidi cantar, em primeiro lugar, fazendo os gestos alusivos à canção, uma estratégia que penso que captou o interesse dos alunos. Posteriormente, cantámos três vezes em grande grupo. Os alunos, no geral, realizaram esta atividade com sucesso, acabando por cantar a música no magusto da escola que se realizou de seguida.
Para o convívio na escola foi entregue a cada criança um cartucho. A ideia inicial de serem os próprios alunos a construirem o cartucho foi alterada após conversa com a professora titular antes da intervenção uma vez que esta atividade tinha um elevado nível de dificuldade e não era o principal objetivo desta área.
No dia seguinte, na área do Português abordei o trava-línguas e adivinhas sobre o Magusto. Expliquei o conceito de trava-línguas e de adivinha e posteriormente dei exemplos concretos e os alunos partilharam os seus conhecimentos.
Na área do Estudo do Meio foi cedido a cada criança um livrinho -"Magusto - novembro de 2013" com atividades de consolidação de conteúdos abordados. o valor que os alunos mostraram ao receber o livrinho do Magusto foi gratificante. Aproveitei a questão de uma aluna para demonstrar o meu descontentamento no dia anterior quando me apercebi que uma das fichas dadas anteriormente se encontrava num estado pouco apresentável. Mais concretamente, uma aluna perguntou se tinha sido apenas eu a fazer o livrinho e após resposta afirmativa referiu que eu tinha tido imenso trabalho. No decorrer desta situação aproveitei e disse que tudo o fazia para eles era feito com todo o gosto, mas que dava trabalho e que os alunos deviam estimar. A meu ver, não só o comentário da aluna, como o de outros alunos, bem como a minha chamada de atenção, fez com que os alunos percebessem o valor que devemos dar ao que temos e aproveitar ao máximo as novas oportunidades que nos vão surgindo.
Por fim, na área da Expressões, dramatizámos a lenda de São Martinho. Para tal, construí um fantocheiro e os respetivos fantoches. Foi uma experiência completamente nova e que proporcionou novos momentos de aprendizagem e de felicidade.
Poderei partilhar com vocês as fotografias de algumas das atividades para que numa próxima intervenção possam vir a adoptar algumas das minhas estratégias.
Beijinho,
Samanta Caleiro


De danielafferreira a 8 de Dezembro de 2013 às 00:49
Olá Samanta :)

A leitura da lenda aos alunos foi feita através de um power point, sendo que esta foi lida por um dos alunos.
Relativamente à análise foi feita através do diálogo, orientado por algumas questões, como: quais são as personagens? de que fala a lenda? quem é que São Martinho encontrou? e o que fez o São Martinho?. De seguida, procurámos que os alunos refletissem sobre quem poderia ser o mendigo. Tal como diz no nosso post, também fizemos com que os alunos refletissem sobre o que poderiam oferecer se aparecesse um mendigo ( tal como na lenda) naquele momento. A maioria dos alunos referiu que ofereceria o seu lanche ou o seu casaco.
A Banda Desenhada foi feita individualmente para que cada aluno pudesse escolher e desenhar as quatro partes mais importantes da lenda.

Obrigada pela disponibilidade da partilha de fotografias :)
Continuação de bom trabalho.

Beijinhos,
Daniela Ferreira e Joana Ferreira


Comentar post

Autores
Dezembro 2013
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9

15
17
19

24
25
26
27
28

29
30
31


tags

todas as tags

subscrever feeds

RSSPosts

RSSComentários

RSSComentários do post