Blog da UC de Gestão de Comunidades de Aprendizagem online
pesquisar neste blog
posts recentes

Balanço final do trabalho por projeto

Balanço do Projeto de Intervenção

Balanço Geral

As decorações do Natal

Reflexão Intermédia

O Diário de Turma e o Conselho de Turma!

A importância do estágio supervisionado para a formação de professores

Alguma angústias e preocupações durante a prática pedagógica

Estratégias !

Momento de autonomia das crianças

arquivos

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

participar

participe neste blog

Terça-feira, 29 de Outubro de 2013
Caracterização do contexto de estágio
Este semestre encontramo-nos a estagiar numa escola EB1 do Agrupamento de Escolas de Aveiro. Neste momento, nesta escola funciona apenas o 2.º, 3.º e 4.º anos de escolaridade.
Estamos a estagiar numa turma de 3.º ano de escolaridade, constituída por 26 alunos, dos quais 9 meninos e 17 meninas.
Durante o período de observação foi-nos possível observar os gostos e interesses dos alunos, as estratégias utilizadas pela professora e também as possíveis dificuldades que poderíamos vir a enfrentar.
A sala é um espaço agradável e apresenta uma boa luminosidade natural. Além disso, a sala possui quadro interativo, computador e datashow, o que permite tornar as nossas intervenções mais dinâmicas. Por exemplo, podemos usar o computador e o datashow para projetar um vídeo.
Os alunos são curiosos, interativos e bastantes participativos, querendo saber sempre mais. Além disso, são muito criativos e imaginativos nas atividades que realizam, por exemplo, na elaboração de poemas. Neste tipo de atividades, os alunos tentam dar formas diferentes aos poemas e ilustrá-los de forma original.
No entanto, há crianças que distraem-se com mais facilidade, necessitando de mais acompanhamento durante as atividades.
Durante esta segunda fase, as intervenções têm corrido bem. No entanto, sentimos alguma dificuldade na gestão do tempo. Uma outra dificuldade foi em conseguir que os alunos que se distraem mais facilmente permanecessem atentos à atividade. Para resolver esta dificuldade tentámos manter um maior contacto com esses alunos, nunca descuidando a turma.
Estamos a gostar bastante de estagiar nesta escola de 1.º ciclo do Ensino Básico. Fomos bem recebidas por todos (docentes, não docentes e alunos), tendo uma boa relação com todos. Ao sentirmo-nos bem na escola, faz com que haja um bom ambiente e, por conseguinte, ajuda-nos a ter uma melhor intervenção.


Daniela Ferreira e Joana Ferreira
tags: , ,

publicado por danielafferreira às 00:20

De imgt a 11 de Novembro de 2013 às 20:29
olá meninas :)
Como já sabem no semestre passado também estive a estagiar no contexto onde vocês se encontram agora, embora noutras instalações pois a escola encontrava-se em obras.
Não tínhamos as condições que vocês agora têm, o que segundo o vosso post é uma mais valia pois desta forma podem dinamizar muito mais as aulas.
Em relação à gestão do tempo, eu também sentia esta dificuldade. é uma questão que com o tempo vamos ganhando prática de forma a cumprirmos o tempo planeado.
Com os alunos que se distraem mais facilmente, penso que a solução passará mesmo por lhes dar mais atenção, deixar-lhes sugerir atividades ou temas paras as atividades que vocês pensem planear.
sem dúvida que a poesia é uma ferramenta importante para esta turma, podem adotar medidas que passem pela poesia para cativar esses alunos.
Não só colocá-los a realizar poesias mas também fazê-los ouvi-las. Por exemplo, se possível sentá-los no chão, num ambiente mais informal e reproduzir uma poesia ou uma música de forma a acalmá-los par prosseguirem com as restantes atividades.
Podem sempre experimentar, tentar não custa ;)


De joanaazevedo a 12 de Novembro de 2013 às 18:33
Olá Ivete :)

Já estamos a utilizar algumas estratégias para cativar os alunos, nomeadamente a audição de canções (por exemplo, sobre o outono, magusto); e também recorremos à poesia, onde os alunos analisam e constroem poemas. Recorremos à poesia, uma vez que os alunos adoram.
No entanto, não trabalhamos sempre o texto poético, uma vez que é importante trabalhar os outros tipos de textos.
Ao trabalhar os diferentes tipos de textos permite que os alunos aos poucos descubram as semelhanças e as diferenças dos diversos textos.
Relativamente ao exemplo que sugeriste, a parte de sentar os alunos no chão não é fácil de colocar em prática no nosso contexto. No entanto, a parte de ouvir poesia ou uma música já temos vindo a utilizar, tal como já referimos.

Obrigada pela tua sugestão :) Bom trabalho.
Beijinhos,
Daniela Ferreira e Joana Ferreira




De vaniacastro a 14 de Novembro de 2013 às 11:26
Olá Daniela e Joana :)
Como é do vosso conhecimento, eu e a Ivete tivemos a oportunidade de, no semestre passado, trabalhar com o grupo de crianças que vocês estão agora. No entanto, o espaço físico, era muito mais "pobre" de recursos do que onde vocês se encontram. Como sabem, estávamos em pequenos contentores. Este aspeto limitava, em parte, algumas das nossas intervenções, principalmente quando pretendíamos realizar trabalho em grupo, no entanto tivemos que dar a volta por cima a este aspeto menos favorável.
Uma vez, que vocês mencionam que o espaço onde se encontram possui quadro interativo, computador e datashow, é se dúvida um ponto a vosso favor no que diz respeito à dinamização das atividades. Acho que devem apostar nessa dinamização não só porque suscita mais interesse na turma em geral para também conseguem que as crianças que se desinteressam com mais facilidade consigam estar atentas e interessadas num maior período de tempo.
Sem dúvida, tal com a Ivete referiu, estes alunos estão muito sensibilizados para a poesia e adoram fazer tudo o que esteja relacionado com esta, daí ser uma boa aposta trabalhar com eles neste sentido.
No entanto, tenho a noção que embora adotem todas as estratégias possíveis e imaginárias vai ser difícil conseguir que, pelo menos, 1 ou 2 alunos dessa turma não se distraiam e se foquem e concentrem a 100% naquilo que estão a realizar. Para esses alunos, o mínimo estímulo exterior é o suficiente para perderem o interesse naquilo que estavam a fazer.
Neste caso resta-vos andar mais em cima destes alunos, tentando desviar a atenção deles para o que realmente é importante naquele momento.
No que diz respeito à gestão de tempo, posso dizer-vos que passei pelo mesmo. Lembro-me perfeitamente, que no meu primeiro dia de intervenção e não só, a gestão de tempo ficou muito aquém do que aquilo que era previsto. Fiquei um pouco desanimada, mas é perfeitamente normal, pois ainda estão a conhecer os alunos e a perceber os seus ritmos. Com o tempo, vai melhorando. E não se esqueçam, só fazemos PREVISÃO do tempo que poderá demorar cada atividade, nunca é certo pois estamos a lidar com alunos que nem sempre estão com a mesma disposição para realizar algumas atividades.
Continuação de um bom trabalho.
Beijinho,
Vânia Castro


Comentar:
De
Nome

Email

Url

Guardar Dados?

Este Blog tem comentários moderados



Email

Password


Este Blog tem comentários moderados


Comentário

Máximo de 4300 caracteres




O dono deste Blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.

Autores
Dezembro 2013
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9

15
17
19

24
25
26
27
28

29
30
31


tags

todas as tags

subscrever feeds

RSSPosts

RSSComentários