Blog da UC de Gestão de Comunidades de Aprendizagem online
pesquisar neste blog
posts recentes

Balanço final do trabalho por projeto

Balanço do Projeto de Intervenção

Balanço Geral

As decorações do Natal

Reflexão Intermédia

O Diário de Turma e o Conselho de Turma!

A importância do estágio supervisionado para a formação de professores

Alguma angústias e preocupações durante a prática pedagógica

Estratégias !

Momento de autonomia das crianças

arquivos

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

participar

participe neste blog

Sexta-feira, 16 de Dezembro de 2011
Semana de intervenção de 12 a 16 de dezembro de 2011


Olá meninas,

mais uma longa etapa chegou ao fim! Esta semana também ela foi longa e dedicada à época natalícia. Na segunda-feira, escutaram a história O primeiro Natal dos animais de Benoît Debecker. Esta é uma versão do Natal que apresenta vários animais, alguns não conhecidos pelas crianças (e.g.: morsa, preguiça), de uma forma cómica e voltada para o ênfase de caraterísticas físicas e comportamentais (“Na noite de natal, se vires um pontinho encarnado a cruzar o céu a grande velocidade, é o PAI NATAL DAS PULGAS.”). Esta história prendeu a atenção de todas as crianças e mesmo as mais pequenas fascinaram-se com a simplicidade do conteúdo textual e das ilustrações.

Na segunda parte da manhã, as crianças construíram o seu presépio, que ficou muito bonito, pois algumas figuras foram feitas em barro, designadamente: a figura do Menino Jesus e a manjedoira. Estas crianças adoram tudo que envolva trabalhos manuais, empenhando-se verdadeira e ativamente. Mais tarde, puderam criar o seu presente e colori-lo em tons de dourado e prateado com os carimbos de natal (vela, pai natal, duende, estrela, sino) e, ainda, pulverizar as imagens carimbadas com purpurinas da mesma cor. Os presentes ficaram muito  lindos! E, se pensam que apenas estas crianças desejam bens materiais dispendiosos, aqui vai um pedido de uma criança, “um [simples] chocolate”. Que presente tão docinho…

Esta atividade foi realizada a par com a primeira e assim as crianças puderam auto-organizar-se e mobilizar-se conforme as atividades que, no momento, desejavam realizar. Este é um passo muito grande, quando estamos perante crianças de tão tenra idade e que em setembro tinham muita dificuldade em respeitar regras e organizar-se pelas áreas da sala.

Na 3.ª feira demos continuidade à atividade de construção do presente e, ainda, escutaram a história Nasceu o Menino Jesus. Esta história foi apresentada no sentido de ser retratada pelas crianças na Festa de Natal,. As crianças surpreenderam-nos por saberem escolher e definir bem o papel que queriam desempenhar. Os adereços envolveram-nos ainda mais durante a encenação desta peça de teatro. Para além disto, puderam contactar e cantar várias canções de Natal entre as quais uma nova intitulada we wish a merry christmas. Algumas crianças foram mesmo capazes de pronunciar bem certas palavras, talvez devido a terem irmãos mais velhos já no ensino formal. Tudo isto revela que as crianças são possuidoras de muitas capacidades e o que é necessário é recorrer a estratégias para despoletar isto.

Na 4.ª feira, voltamos à encenação da peça de teatro, de forma a que as crianças comecem a memorizar as suas falas e, acreditem que algumas são longas!

Hoje, dia 16, foi a Festa de Natal, a apresentação da história e das canções de Natal, perante muitos pais e os colegas mais velhos da Escola do 1.º CEB dos Areais, decorreu de uma maneira harmoniosa, embora as crianças se tenham sentido intimidadas perante tantas pessoas e tenham recusado proferir as suas falas. O que importa é que as crianças mostraram as suas potencialidades, se divertiram e divertiram. No fim de todas as apresentações, incluindo a dos outros anos, decorreu o lanche partilhado e os pais também puderam se juntar. Certamente, este é um dia que quer nós adultos quer as crianças não se esquecerão!

 

Votos de um bom fim de semana.

Andreia Alcobia e Sónia Correia


 

 

tags: , ,

publicado por soniapcorreia às 23:21
1

Quinta-feira, 15 de Dezembro de 2011
Reflexão sobre a 10ª semana de intervenção (de 12 a 14 de Dezembro)

 

A 10ª e última semana de intervenção (do dia 12 ao dia 14 de Dezembro) foi da responsabilidade da Joana, sendo que ambas planificamos juntas, como é habitual.
Esta semana foi muito especial e intensa, uma vez que foi uma semana de preparação para o Natal e de despedida, sendo esta a última semana de intervenção com as crianças.
 
Assim, os temas de trabalho desta semana foram os seguintes:
 
2ª Feira:
·         9h00 – 12h00: Apresentação dos projetos realizados pelas crianças, com as árvores genealógicas das suas famílias;
·         13h00 – 15h00: Ensaios para a festa de Natal.
 
Iniciámos a manhã de segunda-feira com a apresentação dos projetos realizados pelas crianças, com as árvores genealógicas das suas famílias.
Cada criança construiu a sua em casa e os resultados foram formidáveis! Desde cartolinas, a puzzles, a móbiles e até a árvores verdadeiras... As crianças demonstraram uma criatividade enorme e, sobretudo, uma motivação elevadíssima para a realização desta proposta. Estavam todas muito entusiasmadas por apresentar a sua família, sendo que cada criança apresentou a sua à turma, e no final de cada apresentação, a turma poderia colocar questões.
Esta atividade durou a manhã toda, uma vez que todas as crianças tinham perguntas para fazer sobre as famílias dos elementos da turma. Foi uma manhã muito divertida!
Durante a tarde, realizou-se o ensaio de uma dança africana, que seria a coreografia apresentada pelas crianças no dia da festa de Natal.
 
3ª Feira:
·         9h00 – 10h30: Conclusão da análise do livro: “O Segredo do Rio”;
·         11h00 – 12h00 e das 13h00 – 14h00: Revisões de Matemática;
·         13h00 – 15h00: Ensaio para a festa de Natal.
 
Na terça-feira de manhã, procedemos à conclusão da leitura e análise do livro “O Segredo do Rio”, de Miguel Sousa Tavares (livro trabalhado desde o início do período).
Lemos as últimas páginas do livro, depois fizemos a interpretação desse mesmo excerto e as crianças preencheram, ainda, um questionário de auto-avaliação, onde puderam descrever os aspetos que mais gostaram no livro, os que menos gostaram e ainda apresentarem cinco argumentos para aconselhar um amigo a ler o livro. Depois, puderam ilustrar a parte que mais gostaram.
Durante a segunda parte da manhã e um pouco da tarde, cada criança resolveu uma ficha de revisões de Matemática, dado ser importante praticarem com frequência os conteúdos trabalhados este período.
Durante o resto da tarde, o tempo foi disponibilizado para o ensaio para a festa de Natal, que se realizou no dia seguinte, quarta-feira.
 
4ª Feira:
·         9h00 – 12h00: Elaboração de postais de Natal;
·         13h00 – 15h00: Visualização do filme: “Gnomeu e Julieta”;
·         15h00 – 17h30: Preparação para a festa de Natal;
·         17h30 – 19h30: Festa de Natal, com crianças do ensino pré-escolar e 1.º ciclo, professores e família.
 
Normalmente, o nosso horário às quartas-feiras é apenas durante a manhã, mas esta semana decidimos ficar todo o dia, uma vez que era o último dia de intervenção e as crianças iam ter a sua festa de Natal ao fim da tarde.
A manhã de quarta-feira teve início com a elaboração de postais de Natal. Ensinámos às crianças a técnica do Origami, ensinando-lhes a construir árvores de Natal, Pais Natal e flores, sendo que depois as crianças utilizaram a construção que mais gostaram e construíram os seus postais de Natal, com a colagem dessas mesmas construções em cartolina. Sendo que existe uma criança na turma que pertence a uma religião onde o Natal não é festejado, a criança construiu flores em Origami e executou na mesma o seu postal, mas destinado aos pais, sem motivos natalícios.
            No início da tarde, demos uma fotografia nossa com todas as crianças a cada uma delas, sendo que atrás cada uma continha uma mensagem personalizada. As crianças ficaram muito sensibilizadas e, portanto, foi uma tarde muito intensa, onde foram esboçados muitos sorrisos, mas também algumas lágrimas.
            Ao longo da tarde vimos o filme “Gnomeu e Julieta” escolhido pelas crianças e, depois das 15h00, começámos a ajudar a vestir e a pintar as crianças, para a festa de Natal.
            O tema da festa era “O Natal pelo mundo”, sendo que a nossa turma teve que representar o continente africano. Logo, foi realizada uma coreografia para uma música africana, e as crianças vestiram-se a preceito, com cores e cabelos africanos.
            A festa começou por volta das 17h30, e estivemos sempre presentes para ajudar as crianças e para viver esse mesmo momento com elas.
            Depois da festa terminar, as crianças, juntamente com os pais, vieram despedir-se de nós e o momento difícil chegou... a despedida!
            Foi um momento muito complicado, tanto para nós como para as crianças... Adorámos esta experiência, a turma e serão, sem dúvida, sempre muito especiais!
 
            Terminou mais uma etapa, agora resta-nos entrar em força na seguinte: A elaboração do nosso relatório de estágio!
 
 
 
 
Joana Tavares e Rita Gonçalves
 
 

tags: , ,

publicado por ritagoncalves às 17:39
2

Reflexão sobre a 10ª semana de intervenção (de 12 a 14 de Dezembro)

 

A 10ª e última semana de intervenção (do dia 12 ao dia 14 de Dezembro) foi da responsabilidade da Joana, sendo que ambas planificamos juntas, como é habitual.
Esta semana foi muito especial e intensa, uma vez que foi uma semana de preparação para o Natal e de despedida, sendo esta a última semana de intervenção com as crianças.
 
Assim, os temas de trabalho desta semana foram os seguintes:
 
2ª Feira:
·         9h00 – 12h00: Apresentação dos projetos realizados pelas crianças, com as árvores genealógicas das suas famílias;
·         13h00 – 15h00: Ensaios para a festa de Natal.
 
Iniciámos a manhã de segunda-feira com a apresentação dos projetos realizados pelas crianças, com as árvores genealógicas das suas famílias.
Cada criança construiu a sua em casa e os resultados foram formidáveis! Desde cartolinas, a puzzles, a móbiles e até a árvores verdadeiras... As crianças demonstraram uma criatividade enorme e, sobretudo, uma motivação elevadíssima para a realização desta proposta. Estavam todas muito entusiasmadas por apresentar a sua família, sendo que cada criança apresentou a sua à turma, e no final de cada apresentação, a turma poderia colocar questões.
Esta atividade durou a manhã toda, uma vez que todas as crianças tinham perguntas para fazer sobre as famílias dos elementos da turma. Foi uma manhã muito divertida!
Durante a tarde, realizou-se o ensaio de uma dança africana, que seria a coreografia apresentada pelas crianças no dia da festa de Natal.
 
3ª Feira:
·         9h00 – 10h30: Conclusão da análise do livro: “O Segredo do Rio”;
·         11h00 – 12h00 e das 13h00 – 14h00: Revisões de Matemática;
·         13h00 – 15h00: Ensaio para a festa de Natal.
 
Na terça-feira de manhã, procedemos à conclusão da leitura e análise do livro “O Segredo do Rio”, de Miguel Sousa Tavares (livro trabalhado desde o início do período).
Lemos as últimas páginas do livro, depois fizemos a interpretação desse mesmo excerto e as crianças preencheram, ainda, um questionário de auto-avaliação, onde puderam descrever os aspetos que mais gostaram no livro, os que menos gostaram e ainda apresentarem cinco argumentos para aconselhar um amigo a ler o livro. Depois, puderam ilustrar a parte que mais gostaram.
Durante a segunda parte da manhã e um pouco da tarde, cada criança resolveu uma ficha de revisões de Matemática, dado ser importante praticarem com frequência os conteúdos trabalhados este período.
Durante o resto da tarde, o tempo foi disponibilizado para o ensaio para a festa de Natal, que se realizou no dia seguinte, quarta-feira.
 
4ª Feira:
·         9h00 – 12h00: Elaboração de postais de Natal;
·         13h00 – 15h00: Visualização do filme: “Gnomeu e Julieta”;
·         15h00 – 17h30: Preparação para a festa de Natal;
·         17h30 – 19h30: Festa de Natal, com crianças do ensino pré-escolar e 1.º ciclo, professores e família.
 
Normalmente, o nosso horário às quartas-feiras é apenas durante a manhã, mas esta semana decidimos ficar todo o dia, uma vez que era o último dia de intervenção e as crianças iam ter a sua festa de Natal ao fim da tarde.
A manhã de quarta-feira teve início com a elaboração de postais de Natal. Ensinámos às crianças a técnica do Origami, ensinando-lhes a construir árvores de Natal, Pais Natal e flores, sendo que depois as crianças utilizaram a construção que mais gostaram e construíram os seus postais de Natal, com a colagem dessas mesmas construções em cartolina. Sendo que existe uma criança na turma que pertence a uma religião onde o Natal não é festejado, a criança construiu flores em Origami e executou na mesma o seu postal, mas destinado aos pais, sem motivos natalícios.
            No início da tarde, demos uma fotografia nossa com todas as crianças a cada uma delas, sendo que atrás cada uma continha uma mensagem personalizada. As crianças ficaram muito sensibilizadas e, portanto, foi uma tarde muito intensa, onde foram esboçados muitos sorrisos, mas também algumas lágrimas.
            Ao longo da tarde vimos o filme “Gnomeu e Julieta” escolhido pelas crianças e, depois das 15h00, começámos a ajudar a vestir e a pintar as crianças, para a festa de Natal.
            O tema da festa era “O Natal pelo mundo”, sendo que a nossa turma teve que representar o continente africano. Logo, foi realizada uma coreografia para uma música africana, e as crianças vestiram-se a preceito, com cores e cabelos africanos.
            A festa começou por volta das 17h30, e estivemos sempre presentes para ajudar as crianças e para viver esse mesmo momento com elas.
            Depois da festa terminar, as crianças, juntamente com os pais, vieram despedir-se de nós e o momento difícil chegou... a despedida!
            Foi um momento muito complicado, tanto para nós como para as crianças... Adorámos esta experiência, a turma e serão, sem dúvida, sempre muito especiais!
 
            Terminou mais uma etapa, agora resta-nos entrar em força na seguinte: A elaboração do nosso relatório de estágio!

tags: , ,

publicado por ritagoncalves às 17:39

Quarta-feira, 14 de Dezembro de 2011
Reflexão sobre a 10ªsemana de intervenção

A décima semana de intervenção foi da responsabilidade da Elisabete.

Nesta semana, como já tinha acontecido na semana anterior, continuámos com os trabalhos referentes à época Natalícia.

Na segunda-feira, contámos-lhes uma história intitulada: “Pinheirinho de Natal” – uma adaptação de António Torrado utilizando a ferramenta powerpoint.

Era uma vez um pinheirinho que vivia num bonito canteiro, num jardim de uma aldeia.
Era pequeno mas viçoso, luzidio e verde, muito verde!
Todos os habitantes desta aldeia gostavam e admiravam o pequeno pinheirinho. Este era diferente de todos os outros: parecia querer dizer a todos os que passavam por ali: «Bom dia!».
Então, todos os anos pelo Natal, as pessoas daquela aldeia, enfeitavam-no com fitas coloridas e brilhantes, com bolas de todas as cores e lindos laçarotes vermelhos.
O João, um menino traquina era o seu maior admirador. Trazia sempre a sua grande e bonita estrela dourada, para que fosse colocada no ponto mais alto do pequeno pinheiro. Este ficava resplandecente e todos achavam que era o pinheiro de Natal mais espetacular das redondezas.
Orgulhoso de tanta admiração e carinho, o pinheirinho sentia-se o mais feliz dos pinheiros... Esticava os seus braços vigorosamente e suspirava de satisfação!

As suas raízes estenderam-se, saudáveis e fortes, e este cresceu, cresceu...
Alguns anos se passaram e o pequeno pinheiro havia-se transformado. Tornou-se num pinheiro robusto e muito, muito alto! As pessoas, pouco a pouco desinteressaram-se e deixaram de lhe dar importância. Já nem era enfeitado no Natal.
Mas o João não desistia... Continuava a pedir à mãe algumas fitas e bolas, que colocava nos ramos que conseguia alcançar. O pinheiro apercebendo-se que o tinham abandonado, começou a sentir-se cada vez mais triste. As suas folhas iam pouco a pouco perdendo o brilho. Já não tinha alegria de viver...
Certa noite de Natal, lamentava-se o pobre pinheiro da sua pouca sorte, quando de repente, viu que algumas estrelas lindas e brilhantes se desprenderam do céu e, rodopiando numa dança maravilhosa, poisaram suavemente nos seus ramos. Sentiu uma verdadeira felicidade a espalhar-se por todo o corpo...
Todos olhavam maravilhados e completamente pasmados para o que estava a acontecer...
Ao verem isto, todos compreenderam o seu erro.

A partir desse altura, todos os anos pelo Natal, aquele pinheiro é o mais bem enfeitado e o mais bonito pinheiro de Natal de todo o mundo… e para agradecer canta a canção:

 

“Pinheirinho, pinheirinho”

 

FIM

No final da história, o grupo respondeu a algumas questões e comprovou-se que estiveram muito atentos! Para além disso, tiveram a fazer o registo gráfico. A cada criança foi-lhes dada uma folha com um pinheiro onde tiveram de o enfeitar. Tiveram oportunidade de dar uso à sua imaginação e criatividade decorando o pinheirinho com purpurinas, glliters, algodão e lápis de cor. O resultado final ficou muito engraçado.

 

Na terça-feira, continuámos com as decorações de Natal em que cada menino pôde fazer um Pai Natal ou uma Rena, consoante a escolha. A cada menino foi-lhe entregue uma folha com os membros do Pai Natal ou da Rena que, inicialmente, teve de pintar, depois, recortar e, por último, montar. As crianças mostraram-se bastante motivadas e implicadas no decorrer da atividade.

Depois, foram à biblioteca ouvir uma história dinamizada pelo professor bibliotecário. A história chamava-se “A prenda de Natal do Henrique Semprespera” que nos fala da história de um menino que deixa um presente de Natal ao Pai Natal. O Pai Natal quando vê a prenda que o Henrique lhe deixou, fica comovido e decide também retribuir esse gesto. No entanto, como as renas estavam muito cansadas porque estiveram a distribuir os presentes, o Pai Natal decide ir pelo seu próprio pé. Até chegar à casa do Henrique passa por muitas aventuras…mas lá consegue chegar. A história termina sem se desvendar qual o presente que o Pai Natal levou ao Henrique. Por isso mesmo, quando as crianças foram para a sala tiveram de imaginar qual o presente que o Henrique recebeu. A maioria dos meninos desenhou carros, bolas, bonecos!

 

Na quarta-feira, último dia de estágio, foi um dia um pouco diferente do habitual. Inicialmente, apresentaram a coreografia do pinheirinho à outra sala do Jardim de Infância e sentiram-se muito importantes! Para além disso, houve ainda tempo para muita dança e diversão.

Depois, fizemos um lanche juntamente com a outra sala e até pipocas tivemos direito…. Para terminar, realizámos diversos jogos com eles, nomeadamente, o jogo das cadeiras; o jogo dos tubarões, o jogo dos coelhos às tocas!

E assim terminámos as nossas intervenções e, claro, vão deixar saudades….

 

As atividades desenvolvidas por nós podem ser visualizadas no seguinte blog: http://crescerepartilhar.blogspot.com

 

Realizado por: Andreia Osório e Elisabete Amaral


tags:

publicado por andreiaosorio às 15:44
4

Terça-feira, 13 de Dezembro de 2011
Reflexões - Parte 2

Semana de intervenção 4 – de 31 de Outubro e 2 de Novembro

Esta semana foi da responsabilidade de ambos os elementos que constituem a díade, nomeadamente Denise Francisco e Sara Nunes. Dado que foi feriado a 1 de Novembro, esta semana só contou com dois dias de intervenção. Deste modo, foi mais dedicada a revisões dos conceitos estudados até ao momento.

 

Área de Conteúdo: Língua Portuguesa

No dia 31 de Outubro festeja-se o Dia das Bruxas e como na Gafanha da Nazaré têm como tradição cozinhar as Papas de Abóbora, realizámos em conjunto com os nossos alunos a receita Papas de Abóbora. Esta foi elaborada através de uma Banda Desenhaada em que as personagens dão indicações relativamente aos ingredientes e procedimentos. Já na quarta feira, dia 2 de Novembro, a turma recebeu a visita de uma nutricionista do Centro de Saúde de Ílhavo. A nutricionista veio falar com os alunos sobre a alimentação saudável, quais os hábitos alimentares que se deve ter em conta e reforçou a ideia da importância da atividade física para uma vida mais saudável.

 

Área de Conteúdo: Matemática

Nesta semana foram trabalhadas estratégias de cálculo sem recorrer ao algoritmo, bem como foram trabalhadas as sequencias númericas e escritas de números por extenso, por ordens e classes, tendo sempre como objetivo rever conceitos relacionados com a dezena de milhar.

 

Área de Conteúdo:Estudo do Meio

Nesta semana a área de conteudo de Estudo do Meio só contou com uma aula. Neste sentido, a díade elaborou um jogo, denominado de “Sistemas em Jogo”, sendo este um quizz que permitia aos alunos reverem os três sistemas do corpo humano estudados anteriormente. Foi um jogo realizado em grupo, havendo regras e sendo atribuidos pontos aos alunos. (Fotografias desta atividade podem ser vistas no nosso Blog)

 

Balanço da semana: Tal como na semana anterior, os alunos participaram de forma ativa e dinâmica, o bom comportamento da turma foi notável eas aulas decorrem de forma harmoniosa.

 

Semana de intervenção 5 – de 7 a 9 de Novembro

Esta semana iniciaram-se a intervenções individuais, tendo sido esta da responsabilidade de Denise Francisco.

 

Área de Conteúdo: Língua Portuguesa

Na área da Língua portuguesa, estudou-se o texto “O Monstro”, de Luísa Ducla Soares. Tal como os outros textos estudados, este foi analisado. Falámos sobre o tipo de texto, se era real ou imaginário, quais as personagens que integravam a história e quais as peripécias ocorridas. Através de algumas palavras retiradas do texto procedeu-se à revisão de conceitos dados na semana anterior (divisão silábica – sílaba tónica e sílaba átona) e continuámos o estudo da divisão silábica, classificando as palavras quanto ao número de sílabas (monossílabo, dissílabo, trissílabo e polissílabo). Falámos, também, na acentuação fónica da palavra (Esdrúxula, Grave, Aguda).

Dado que dia 9 de Novembro é o dia Mundial contra o racismo, lemos o texto “Meninos de todas as cores”, de Luísa Ducla soares, e foram levantadas as concepções dos alunos relativamente ao racismo. Realizámos, ainda, uma ficha de interpretação do texto e exercícios de aplicação sobre a divisão silábica.

 

Área de Conteúdo: Matemática

Ao longo desta semana os alunos realizaram diversos exercícios sobre a dezena de milhar, as várias formas de atingir o número 10 000, decomposição do número, progressões numéricas e realizaram problemas de raciocínio matemático.

 

Área de Conteúdo: Estudo do Meio

Esta semana, estudámos o sistema excretor. Tal como nos sistemas anteriores, iniciámos a temática com um concept cartoon (pois verificámos que eles gostam de fazer esta atividade). De forma a encontrarem a resposta ao concept cartoon, visionámos uma entrevista em vídeo feita à Drª. Anita (médica de clínica geral). Os alunos gostaram muito e retiraram diversas informações para o levantamento de conceitos, que fazemos sempre, e registámos no caderno diário. Legendámos, também, um poster relativo ao sistema excretor, os alunos colocaram todas as suas questões na caixa das questões e tiveram a oportunidade de observar (e mexer) num par de rins de um porco. (Fotografias desta atividade podem ser vistas no nosso Blog)

 

Balanço da semana: O nível de envolvimento e desempenho manteve constante. Tal como nas semanas anteriores, gostaram imenso das aulas de estudo do meio, de ver mais um órgão diferente. As aulas de matemática, foram um pouco mais agitadas devido às correções dos exercícios no quadro (nas quais todos queriam participar) e á utilização de materiais que não utilizam frequentemente (MAB).

 

Semana de intervenção 6 – de 14 a 16 de Novembro

Esta semana foi da responsabilidade de Sara Nunes.

 

Área de Conteúdo: Língua Portuguesa

Na sexta semana de intervenção realizou-se a leitura do poema “A Rua dos gelados”, falou-se do tipo do texto e suas características e foi feita a revisão da sílaba tónica e sílaba átona e da acentuação fónica. Iniciou-se, ainda, o estudo da acentuação gráfica (grave, agudo, til e circunflexo).

Sabendo que a 15 de Novembro é o Dia Nacional de Língua Gestual Portuguesa, falámos com os alunos sobre essa mesma temática, oferecemos um abecedário de linguagem gestual e falámos nos diferentes tipos de comunicação.

Já no dia 16 de Novembro é o Dia do Mar, como tal realizámos a leitura de três textos, “O Mostrengo”, de Fernando Pessoa, “O Mar”, do Manual escolar “Trampolim” e um panfleto intitulado “O Mar” e dobrado em forma de barco, elaborado pela díade. Após a leitura destes três textos, realizámos um levantamento das diferenças entre eles, qual a nível de construção frásica e tipo de texto, quer a nível de conteúdos.

 

Área de Conteúdo: Matemática

Nesta semana, iniciámos o estudo da centena de milhar. Tal como no estudo do milhar e dezena de milhar, realizámos a representação do número 100 000 e efectuámos o registo no caderno diário. Ao longo da semana, realizaram-se diversos exercícios de aplicação que envolviam a composição/decomposição, operações com algoritmo e sem algoritmo e problemas de raciocínio matemático.

 

Área de Conteúdo: Estudo do Meio

Na área de conteúdo de estudo do meio, iniciámos o estudo do último sistema do corpo humano, o Sistema Reprodutor. Ao contrário do que a díade previa, as aulas decorreram de forma tranquila e os alunos fizeram questões banais que puderam ser respondidas sem qualquer tipo de constrangimento.

Mais uma vez, iniciámos a temático com um concept cartoon, o qual foi respondido através do visionamento do filme “Era uma vez a vida – o nascimento”. Realizámos o levantamento dos diversos conceitos relacionados com a temática e registámos no caderno diário. Fizemos, ainda, a legendagem de um poster com os sistemas reprodutores feminino e masculino e mostrámos um poster com as diversas fases de gestação. Por fim, mostrámos, ainda, uma ecografia digital que os alunos puderam assistir no quadro interativo.

 

Balanço da semana: Esta semana os alunos encontraram-se ligeiramente mais agitados, mas decorreu tudo dentro da conformidade. Gostaram das atividades no seu geral e, como sempre, demonstraram muito interesse, entusiasmo e participação nas aulas de estudo do meio.

 

Semana de intervenção 7 – de 21 a 23 de Novembro

Esta semana foi da responsabilidade de Denise Francisco.

 

Área de Conteúdo: Língua Portuguesa

Esta semana iniciámos a leitura e análise do livro “HÁ FOGO NA FLORESTA”, de Ana Magalhães e Isabel Alçada, sugerido pelo PNL. Uma vez que nos vamos centrar na primeira parte do livro e que esta parte se encontra dividida em cinco capítulos, optámos por trabalhar um capítulo por semana. Deste modo, esta semana estudámos o Capítulo 1 – “Uma boa surpresa”. Dado que o livro contempla animais com características humanas, estudámos a fábula, vimos quais as suas principais características e que características humanas é que os animais integrados na história tinham. Foi, também, realizada uma ficha de interpretação e iniciámos o estudo do género do nome (masculino e feminino). Inicialmente, foi dada uma lista de nomes no masculino aos alunos e eles colocaram os nomes no feminino e através das suas concepções, procedemos à correção e ao levantamento das diversas formas de obter o feminino. Foram, ainda, realizados exercícios de aplicação.

 

Área de Conteúdo: Matemática

Nesta semana, iniciámos o estudo das sequências e regularidades. Como tal, realizámos diversos exercícios para que os alunos seguissem um determinado critério, para que descobrissem qual o critério utilizado e para que criassem um critério de construção de sequências e regularidades. No desenvolvimento destes exercícios trabalhámos as operações de adição, multiplicação e subtração, bem como a noção de números ímpares e números pares, múltiplos de 2 e múltiplos de 3.

 

Área de Conteúdo: Estudo do Meio

Dado que todos os sistemas do corpo humano foram trabalhados, voltámos a realizar o jogo “Sistemas em Jogo”, desta vez já completo, contendo todos os sistemas estudados.

Nos restantes dias da semana, a área de estudo do meio foi dedicada às sensações (agradáveis e desagradáveis: fome, sede, frio, calor, cansaço…) e estados psíquicos (tristeza, alegria, desilusão, surpresa…) e nada melhor do que colocar os alunos em contacto com certas sensações.

De forma a introduzir a temática, partiu-se de uma sensação real do quotidiano, comparando o frio e vento que as professoras estagiárias apanharam no trajeto até à paragem de autocarros (sensação desagradável) com a chegada de uma aluna bem agasalhada à escola (sensação agradável). A partir desta situação, efectuou-se o levantamento e registo de conceitos associados. Seguidamente, realizámos o jogo “caixa das sensações”. Esta caixa encontrava-se dividida em 9 secções com diversos materiais (areia, esponja de banho, lixa, esfregão, mação, batata, “pega-monstros” [substancia fria e pegajosa], prata e saqueta de pó com cheiro), vendaram-se os olhos aos alunos e estes escolheram uma secção. Apalparam, cheiraram ou saborearam o material que lhes calhou e já de olhos descobertos fizeram uma descrição do material, o que pensavam ser o material e qual a sensação. Após se ter ouvido todos os alunos, mostrou-se qual o conteúdo de cada secção da caixa. (Fotografias desta atividade podem ser vistas no nosso Blog)

 

Balanço da semana: Esta semana foi calma, os alunos participaram ativamente em todas as atividades, estavam empenhados e motivados e reagiram bem a tudo o que lhes foi proposto.

 

Semana de intervenção 8 – de 28 a 30 de Novembro

Esta semana foi da responsabilidade de Sara Nunes.

 

Área de Conteúdo: Língua Portuguesa

Na oitava semana de intervenção, leu-se o segundo capítulo do livro “HÁ FOGO NA FLORESTA”, intitulado de “Discussão de vizinhos”. Após a leitura do texto, procedeu-se à análise do mesmo e realizou-se uma ficha de interpretação. Como na semana passada estudámos o género do nome, na semana presente iniciou-se o grau (aumentativo e diminutivo) e número (singular e plural) do nome, onde os alunos realizaram diversas atividades, entre elas uma sopa de letras na qual tinham que encontrar certos nomes em todos os graus e no singular e plural.

 

Área de Conteúdo: Matemática

Na área da matemática continuámos com exercícios de sequencias numéricas, realizamos jogos didáticos e labirintos numéricos que despertaram muita curiosidade nos alunos. E, como todas as outras semanas, dedicámos um dia à resolução de situações problema para trabalhar o raciocínio matemático.

 

Área de Conteúdo: Estudo do Meio

Esta semana, tivemos uma iniciativa diferente. Para além de elaborarmos um concept cartoon com os alunos, fazermos os levantamentos de todos os conceitos e o registo no caderno diário, elaborámos uma caixa de Primeiros socorros para a sala de aula, pois os Primeiros Socorros era a temática em estudo. Convidámos para vir à nossa sala dois elementos da Corporação dos Bombeiros Velhos de Aveiro para darem uma palestra aos nossos alunos, e restantes alunos do 3º ano da Escola de Chave, sobre os primeiros socorros. No fim, entregámos a todos os alunos um mini-book informativo elaborado pela díade. (Fotografias desta atividade podem ser vistas no nosso Blog)

 

Balanço da semana: Tal como na semana anterior, esta semana foi calma, os alunos participaram ativamente em todas as atividades, estavam empenhados e motivados e reagiram bem a tudo o que lhes foi proposto.

 

Semana de intervenção 9 – de 5 a 7 de Dezembro

Esta semana foi da responsabilidade de Denise Francisco.

Foi uma semana diferente das anteriores, pois os alunos tiveram os testes de final de período e maioritária parte das atividades tiveram como finalidade rever toda a matéria estudada até ao momento.

(Todas as fotografias das atividades desta semana podem ser visualizadas no nosso blog)

 

Área de Conteúdo: Língua Portuguesa

Antes de se proceder à revisão da matéria anterior, efectuámos a leitura e análise do terceiro capítulo do livro em estudo. Este mesmo capítulo intitulava-se “Festa na árvore grande”. Tal como nos capítulos anteriores, realizámos uma ficha de interpretação sobre o mesmo.

Numa segunda aula, realizámos em conjunto um reconto escrito do texto “O Monstro”, anteriormente trabalhado.

Na última aula, os alunos fizeram um jogo interativo elaborado pela díade intitulado de “Entre palavras e letras” e que continha toda a matéria anteriormente estudada. Neste jogo, baseado no capitulo lio nesta semana, os alunos tinham a questão e quatro respostas possíveis, devendo escolher a resposta que se encontrava correta e assinalar no guião de apoio ao applet. Por fim, todos revimos o jogo em conjunto no quadro interativo e os alunos procederam as devidas correções, sendo retiradas todas as dúvidas existentes.

 

Área de Conteúdo: Matemática

Na área da matemática os alunos fizeram o jogo interativo “Matematicando”, também elaborado pelas professoras. Tal como o jogo realizado em Língua Portuguesa, os alunos tinham a questão e deveriam escolher qual a resposta correta e assinalar no guião de apoio. No fim, também realizámos a correção e retiramos dúvidas.

Já na segunda aula, elaborámos problemas com calendários e de sequências numéricas, que também eram matéria para o teste, todos eles envolvendo a temática do natal. A partir do problema matemático “árvore de Natal”, elaborámos uma grande árvore para a nossa sala e nas bolas de Natal cada menino escreveu um desejo de Natal para a humanidade (que envolve-se valores e sentimentos e não bens materiais).

 

Área de Conteúdo: Estudo do Meio

Esta semana foi iniciado um novo capítulo na área de estudo do meu, O passado Familiar e Local. Como tal, esta semana centrou-se no passado familiar. Numa primeira abordagem realizou-se um concept cartoon, efectuou-se o levantamento de conceitos relativos ao tema e fez-se o seu registo no caderno diário. Já no segundo dia cada aluno elaborou uma árvore genealógica pessoal, previamente elaborada pela díade de acordo com estrutura familiar de cada aluno e também elaboraram uma barra cronológica com os seguintes acontecimentos: casamento dos pais; seu nascimento; o seu baptismo; nascimento do irmão ou primeiro natal e entrada para o 1º Ciclo (organizado de acordo com o passado do aluno).

 

Balanço da semana: Nesta semana houve uma grande dinâmica de trabalho, os alunos gostaram bastante das atividades desenvolvidas, empenharam-se e estavam muito motivados e entusiasmados. Em certos momentos fizeram mais barulho do que o habitual, mas tal deveu-se ao facto do entusiasmo na realização das atividades.

 

Trabalho realizado por:

Denise Francisco

Sara Nunes



publicado por denisefrancisco às 00:07
1

Reflexões - Parte 1

As breves reflexões que se seguem surgem da Prática Pedagógica Supervisionada A2. Esta mesma encontra-se dividida em três fases.

Numa primeira fase, com uma duração de três semanas, a díade observou o contexto, qual o comportamento e desenvolvimento das crianças, de que forma a professora (orientadora cooperante) se relacionava com as crianças e quais os materiais disponiveis tanto na sala de aula como na restante escola.

Já numa segunda fase, á qual daremos mais ênfase e partilharemos neste bolg, a díade interviu diretamente com o grupo de alunos, planificou atividades e colocou-as em prática. As primeiras intervenções foram feitas conjuntamente, sendo as seguintes intervenções realizadas individualmente.

A terceira e última fase da Prática Peddagógica refere-se à organização do relatório final de estágio.

 

Tal como referido anteriormente, a díade vai partilhar neste blog as atividades realizadas com os alunos do 3º ano, turma 5CH da Escola da Chave.

Gostariamos, ainda, de partilhar com todas vocês o nosso blog de turma, onde poderão ver algumas atividades por nós realizadas e respetivas fotografias:

http://ebchave5ch.blogspot.com/

Esperamos que gostem e comentem...

 

Apesar do nosso post parecer demasiado extenso contemplará todas as semanas de intervenção realizadas até ao momento. No entanto, não será feita uma descrição detalhada e promenorizado do que foi realizado com as crianças. Dado que estamos a publicar todas as semanas em conjunto, a díade optou por fazer uma enumeração das atividades realizadas em cada semana, referindo as reações que as crianças apresentaram ao longo das realizações das atividades.

 

Gostaríamos, ainda, de salientar que o facto de que as atividades que aqui apresentamos parecerem demasiado expositivas, tal não é verdade. Pois as nossas aulas são sempre muito dinâmicas. A díade opta sempre por partir do conhecimento dos alunos e gostamos de criar debates para que sejam eles a chegarem sozinhos a determinadas conclusões e ,por vezes, os conceitos que são registados no caderno diário são estruturados (frásicamente) de acordo com o que os alunos dizem e concluem...

 

Nota: Todas as planificações foram realizadas em grupo, mesmo quando as intervenções eram individuais.

 

Semana de intervenção 1 – de 10 a 12 de Outubro

Esta semana foi da responsabilidade de ambos os elementos que constituem a díade, nomeadamente Denise Francisco e Sara Nunes.

 

Área de Conteúdo: Língua Portuguesa

Na primeira semana de intervenção, a díade optou por iniciar a sua intervenção (na segunda feira) realizando, em conjunto com o grupo de alunos, uma lista de Regras de Comportamento a ter dentro de sala de aula. Optámos por esta atividade porque reparámos que os alunos não respeitavam as regras mais simples em contexto de sala de aula como, por exemplo, não se levantar sem pedir autorização, fazer silêncio, não falar com o colega do lado e estar sentado corretamente. Inicialmente, todos os alunos participaram ativimente, disseram várias regras de comportamento que se deveriam ter em sala de aula e enumeram-nas de acordo com o seu “grau de importância”. No entanto, quando se aperceberam de que estas mesmas tinham que ser cumpridas foi notório algum descontentamento por parte dos mesmo.

Já na terça feira, foi realizada uma ficha de trabalho relativamente à leitura e hábitos de leitura. Esta mesma ficha fazia-se acompanhar por um texto denominado “Os amigos da Inês”, que falava sobre uma menina que gostava bastante de livros e da leitura.

Com esta atividade era pretendido fazer com que os alunos pensassem sobre a importância da leitura na sua vida.

 

Área de Conteúdo: Matemática

No que refere-se à área de conteúdo da Matemática, foi iniciada a temática do Milhar. Ao longo dos três dias de intervenção, realizamos as diferenças representações do número 1000, sendo feito o registo no caderno diário, foram utilizados Applet’s com a representação do MAB e o próprio MAB (material manipulativo), para que os alunos percebem melhor os conceitos estudados. Por fim, realizaram-se diversos exercícios de aplicação para ajudar na consolidação dos conceitos abordados.

 

Área de Conteúdo:Estudo do Meio

Nesta mesma semana, foi iniciado o estudo dos Sistemas do Corpo Humano, sendo o primeiro sistema a ser estudo o Sistema Digestivo. De forma a cativar a atenção e a despertar o interesse dos alunos para esta temática, a díade pensou num conjunto de atividades que se dividiram pelos três dias. No primeiro dia, segunda feira, a díade iniciou a aula através de um diálogo alusivo ao nome do filme “A Carrinha Mágica – para o almoço”. Após serem levantadas as concepções dos alunos relativamente ao nome do filme, passamos para o visionamento do mesmo. Assim que o filme terminou, pedimos aos alunos para que escrevem uma questão relativamente à temática e apresentamentos a “Caixa das questões”, na qual eles podem colocar qualquer tipo de duvida que tenham relativamente a qualquer tipo de matéria. Por fim, falámos sobre o filme, o que vimos e o realmente era a temática do mesmo.

No segundo dia, terça feira, relembrámos o que foi falado no dia anterior e visionamos mais um video, com aproximadamente 6 minutos, que falava sobre os órgãos que constituem o sistema digestivo e sua função. A partir deste mesmo video, foi realizado o levantamento das funções e registado no caderno diário. Por último, realizámos a legendagem de um poster relativo ao sistema digestivo, elaborado pela díade, e os alunos também registaram a localização dos órgãos numa imagem que demos para colarem no caderno diário.

Já na quarta feira, realizaram uma breve ficha de consolidação dos conceitos abordados nos dias anteriores relativamente à temática do sistema digestivo.

 

Balanço da semana: Os alunos estiveram motivados e empenhados nas atividades que executaram, principalmente nas atividades realizadas em Estudo do Meio. Grande parte dos alunos nunca tinha trabalho desta forma dinâmica e notou-se que consigiram compreender muito bem todos os conceitos que queriamos que adquirissem.

 

Semana de intervenção 2 – de 17 a 19 de Outubro

Esta semana foi da responsabilidade de ambos os elementos que constituem a díade, nomeadamente Denise Francisco e Sara Nunes.

 

Área de Conteúdo: Língua Portuguesa

Dado que no dia 16 de Outubro é o dia Mundial da Alimentação, na segunda semana de intervenção dedicámos a nossa primeira aula de Língua Portuguesa ao texto “A Senhora Roda dos Alimentos”. Posteriormente realizámos a análise do mesmo e iniciámos a temática da Família de Palavras e área Vocabular partindo de algumas palavras do texto. Já no segundo dia realizou-se a leitura do texto “Perigos para a Saúde” e foram feitas diversas atividades de consolidação de área vocabular e família das palavras.

 

Área de Conteúdo: Matemática

Nesta semana foram realizadas diversas atividades sobre o milhar, desde decomposiçãos de numeros, sequências numéricas até problemas para desenvolvimento do raciocínio matemático. Foi realizado, também, um placard sobre o Milhar para ficar afixado na sala de aula.

 

Área de Conteúdo:Estudo do Meio

Este semana foi dedicada a duas temáticas. Na segunda feira, dia 17 de outubro, realizámos o levantamento dos diferentes grupos das rodas dos alimentos, quais os beneficios de cada um para a nossa saúde e quais as quantidades diárias que devem ser ingeridas. Nesse mesmo dia, foi realizada uma Salada de Fruta para toda a escola.

 Já na terça e quarta feira, foi trabalhado o Sistema Respiratório, sendo inicado através do um concept cartoon. Tal como no sistema anterior, realizou-se o levantamento das concepções dos alunos, visionou-se um filme relativo aos órgãos do sistema respiratório e suas funções, efectuou-se o registo no caderno diário.

 

Balanço da semana:Nesta semana, foi-nos possivel averiguar de que os alunos já começaram a respeitar a lista de regras que fizeram, o que ajudou no bom funcionamento da sala. As aulas de Lingua Portuguesa são sempre muito calmas, os alunos gostam de ler e dialogar sobre o texto. Já as aulas de Estudo do Meio foram dinâmicas, os alunos participaram ativamente e ficam muito entusiasmados. As aulas de matemática foram mais cansativas, pois tentámos ao máximo desenvolver o raciocínio matemático dos alunos (quase inexistente).

 

Semana de intervenção 3 – de 24 a 26 de Outubro

Esta semana foi da responsabilidade de ambos os elementos que constituem a díade, nomeadamente Denise Francisco e Sara Nunes.

 

Área de Conteúdo: Língua Portuguesa

Na semana presente iniciámos o estudo do Sistema Circulátório e, como tal, optámos por ler o Livro “O Sapo Apaixonado”. Esta leitura foi realizada através de uma animação de Power Point. Os alunos adoraram tanto o texto como as animações. Seguidamente prodeceu-se à análise do mesmo, incicindo desta vez sobre o tipo de texto e os parágrafos. Nas restantes sessões realizou-se o reconto oral do mesmo e realizámos a área vocabular da palavra coração, mostrando a ambiguidade desta mesma palavra (coração – sentimento, coração – músculo). Através do texto foram selecionadas palavras para iniciar o estudo da silaba tónica e silaba átono e dos nomes próprios, comuns e coletivos. Todos os novos conceitos foram registados no caderno diário.

 

Área de Conteúdo: Matemática

Esta semana finalizou-se o estudo do milhar, foram feitos exercícios de clasificação de numero quanto às classes e ordens, atividades de progressão e regressão numérica e realizou-se o jogo “Comboio dos Milhares”. Este jogo consistia em cada aluno retirar de um saco quatro numeros distintos, mas à medida que os retirava do saco tinha que os colocar na casa das unidades, dezenas, centenas ou milhar (de acordo com a sua vontade, não era necessário seguir uma ordem específica). Por fim, com os números que lhe sairam tinha q fazer o maior número possivel e compará-lo com o número que compôs anteriormente.

 

Área de Conteúdo:Estudo do Meio

Uma vez que na semana anterior não foi possivel terminar a temática do sistema respiratório, no início desta semana, procedeu-se à legendagem de um poster (elaborado pela díade) e levámos para a aula um par de pulmões de porco, no qual os alunos poderão observar a traqueia, os brionquios, bronquílos e álveolos pulmonares.

 Tal como referido anteioremnte, este semana foi iniciado o estudo do sistema circulatório, tal como nos anteiores realizou-se um concept cartoon, visionou-se um power point realizado pela díade, procedeu-se ao registo dos conceitos no caderno diário, legendou-se um  poster (elaborado pela díade) e os alunos poderão observar dois corações de porco, um inteiro e um cortado ao meio. Estas atividades foram divididas em dois dias. A observação dos corações para além de ser realizada pelo nossa turma, também se alargou à outra turma de terceiro ano existente na escola. (Fotografias destas atividades podem ser vistas no nosso Blog [referido inicialmente]).

 

Balanço da semana:Os alunos participaram de forma ativa e dinâmica. O bom comportamento da turma foi notável. As aulas decorrem de forma harmoniosa e os alunos adoraram o facto de poderem ver e mexer nos órgãos que levámos para a sala de aula.

 




publicado por denisefrancisco às 00:06
1

Sábado, 10 de Dezembro de 2011
Reflexão sobre a 9ª semana de intervenção

Reflexão sobre a 9ª semana de Intervenção

A 9ª semana de intervenção (de 5 a 7 de Dezembro) foi da responsabilidade da Cristiana. Como o Natal já está muito presente em todo o lado e as crianças andavam ansiosas, iniciámos a temática do Natal.

Foi proposto às crianças escreverem a carta ao pai Natal, ou seja, desenharem um presente que estas desejem receber no Natal.

Posto isto, foi lida uma pequena história “O Natal do Rato Renato”, que retrata o espírito natalício aliado à troca de afectos e de solidariedade. Foram colocadas algumas questões sobre a história e referido o espírito de entre ajuda que deve existir entre todos nós.

Em seguida, passámos à decoração da nossa sala com uma actividade de colagem de brilhantes e outros materiais em figuras de cartão, com motivos de natal (arvore, bola e estrela).

Na terça-feira, colocámos a música do “pinheirinho” no computador e começámos a ensinar uma coreografia às crianças. Foi muito divertido ver as crianças tão implicadas na aprendizagem da coreografia.

Posto isto, continuámos com as actividades de decoração da sala, foram disponibilizados diversos materiais às crianças. Desde figuras em cartão, a figuras em gesso, a decalques de materiais. Outra actividade proposta, foi a construção de uma árvore de natal feita através do decalque das mãos de todos. O resultado foi uma árvore de natal em que os ramos são as nossas mãos, desta forma, sensibilizámos as crianças para a importância do trabalho de grupo. E que juntos podemos fazer coisas muito criativas.

Na quarta-feira tivemos um dia cheio de actividades. Iniciámos com o preenchimento da morada do pai natal no envelope, quando perguntámos onde morava o pai natal, ouvimos coisas hilariantes. Que o Pai Natal mora no gelo, no Pólo Norte, no céu e no Fórum (centro comercial). Quando terminámos de colocar as moradas nos respectivos envelopes, realizámos uma saída até à caixa de correio mais próxima da nossa escola.

À tarde o fotógrafo foi a nossa escola, enquanto algumas das crianças tiravam fotografias, iniciámos a confecção de um bolo rei (bolo de iogurte com frutas cristalizadas). Dividimos o grande grupo em dois grupos mais pequenos, e iniciámos a preparação do bolo. Explorámos a receita para nos certificarmos que não faltava nada, com a minha orientação e da Andreia, as crianças começaram a envolver os ingredientes.

Considero que este semana foi muito positiva, as crianças estão muito empolgadas com o natal e envolvem-se bastante nas actividades propostas.  

Na nossa sala já cheira a Natal!

 


tags: , ,

publicado por cristianacaldeira às 14:22
2

Reflexão sobre a 8ª semana de intervenção

Reflexão sobre a 8ªsemana de intervenção

A 8ª semana de intervenção (de 28 a 30 de Novembro) foi da responsabilidade da Cristiana. Como na semana anterior, a Andreia iniciou o tema do “bacalhau”, decidimos continuar a explorar esta temática.

Na segunda-feira quando as crianças chegaram à sala tinham um barco verdadeiro, em ponto pequeno (onde cabe uma criança) no meio da manta. O barco foi recebido com grande entusiasmo pelas crianças, todas queriam ver e experimentar. Além do barco ser muito semelhante aos verdadeiros, tinha redes de pesca verdadeiras e peixes que se pescam na nossa costa. Inicialmente, foi proposto a duas crianças, interpretarem duas personagens da história que iriam ouvir de seguida. Esta história retrata a vida de um pescador que quando era mais novo trabalhava na pesca do bacalhau. Assim que casou com a Alzira, a sua mulher, teve de deixar essas viagens porque eram muito longas e demoravam muitos meses. Foi assim que este pescador trocou os meses no mar por dias de pesca na costa. No final da história, a Alzira retira alguns peixes da rede e passamos a identificá-los (carapau, sardinha, robalo e dourada). Foram colocadas algumas questões às crianças: “E bacalhau? O Tino não pescou bacalhau?”. Desta forma as crianças perceberam que o bacalhau não se pesca junto da nossa costa mas no mar alto.

As crianças que interpretavam a história, estavam devidamente caracterizadas com roupas de pescador e peixeira, facilitando a interpretação dos papéis que lhes foram atribuídos.

As turmas do 1ºCEB foram chamadas à nossa sala para assistirem à história dramatizada pelas nossas crianças. Foi muito divertido porque o texto permitia a interacção com o público. Penso que esta actividade  foi muito rica para as crianças e que esta dinâmica foi uma mais-valia para trabalhar a temática com crianças tão pequenas.

No dia seguinte, foi dada a oportunidade às crianças que ainda não tinham participado na dramatização, para apresentarem. Algumas crianças aproveitaram o cenário e criaram outras histórias. Em seguimento da temática, foi-lhes apresentado um jogo de pesca, em que existiam canas e peixes para pescar. Como estava bom tempo, aproveitámos para realizar esta actividade no exterior, enchemos um recipiente grande com água e pescámos muitos peixinhos.

Na quarta-feira, contámos a história do “Nadadorzinho”, um peixinho pequenino mas muito corajoso. Para dinamizar e tornar mais atractiva esta actividade levámos um peixinho para as crianças. Enquanto ouviam a história, as crianças observavam todos os movimentos do peixinho dentro do aquário. Em seguida, foi proposto às crianças elaborarem um registo da história que tinham ouvido anteriormente.

Ao longo da semana, foram trabalhando num projecto, a pintura de um barco de madeira que irá ficar na sala. Visto que o primeiro barco referido foi emprestado pela Junta de Freguesia da Gafanha da Boa Hora, não podia ficar na sala definitivamente. Foi construído um barco para as crianças pintarem e adornarem para ficar na sala e continuar a estimular e inesgotável criatividade destas crianças.

Foi uma semana muito dinâmica e animada, em que o mar esteve sempre presente, da mesma maneira que o mar é tão infinito, as actividades que podem partir dele são também inesgotáveis.

Penso que o trabalho desenvolvido esta semana foi apropriado para todas as crianças, visto que mesmo as crianças mais pequenas se mostraram interessadas em aprender o nome dos peixes que o pescador apanhou nas suas redes. Aprenderam muito vocabulário e acções relacionadas com a pesca.


tags: , ,

publicado por cristianacaldeira às 12:59
2

Quinta-feira, 8 de Dezembro de 2011
Reflexão 9.ª Semana de Intervenção

 

A 9ª semana de intervenção (do dia 5 ao dia 7 de Dezembro) foi da responsabilidade da Rita, sendo que ambas planificamos juntas, como é habitual.

Esta semana foi dedicada à avaliação diagnóstica das crianças, tal como já estava planeado pela Prof. Patrícia Simões, nossa orientadora no Colégio D. José I e, também, iniciamos os preparativos para a festa de Natal que se aproxima.

Assim, os temas de trabalho desta semana foram os seguintes:

2ª Feira:

·         9h00 – 10h30: Ficha de Avaliação de Estudo do Meio;
·         11h00 – 12h00: Ensaio para a festa de Natal;
·         13h00 – 15h00: Revisões para a ficha de avaliação de Língua Portuguesa.
 
Iniciamos a manhã de segunda feira com a distribuição das fichas de avaliação de estudo do meio por cada criança. Os conteúdos da mesma foram os seguintes: sistema digestivo, sistema circulatório, sistema respiratório, sistema urinário, sistema reprodutor, primeiros socorros e graus de parentesco.
Fizemos uma breve leitura e explicação das questões da ficha e à medida que as crianças a iam completando, nós íamos percorrendo a sala para esclarecimento de dúvidas.
Terminado o tempo, recolhemos as fichas e as crianças dirigiram-se para o intervalo. Quando regressaram, dirigimo-nos para a sala de ATL para procedermos aos ensaios da festa de Natal. Este ano o tema da sala do 3.º ano foram as danças africanas, e a dança escolhida foi o funáná. Para isso, veio uma educadora ensaiar com o nosso grupo de crianças.
Depois do almoço fizemos revisões de Língua Portuguesa, pois o momento de avaliação seria no dia seguinte.
Distribuímos uma ficha de trabalho individual que resolvemos em conjunto no quadro interativo, esclarecendo dúvidas se necessário. No final, realizamos em conjunto o retrato da personagem da história lida na semana anterior, a “Cinderela”, pois este conteúdo estará presente na ficha de avaliação do dia seguinte.
 
3ª Feira:
·         9h00 – 10h30: Ficha de Avaliação de Língua Portuguesa; 
·         11h00 – 12h00 e das 13h00 – 14h00: Revisões para a ficha de avaliação de Matemática;
·         13h00 – 15h00: Ensaio para a festa de Natal.

 

Na terça feira de manhã, procedemos à distribuição das fichas de avaliação de Língua Portuguesa por cada criança. A ficha encontrava-se dividida em: Texto, perguntas de interpretação do texto, gramática e ortografia, e composição. 
Fizemos uma breve leitura e explicação das questões da ficha e à medida que as crianças a iam completando, nós íamos percorrendo a sala para esclarecimento de dúvidas. Terminado o tempo, recolhemos as fichas e as crianças dirigiram-se para o intervalo.
De seguida fizemos revisões para a ficha de avaliação de Matemática do dia seguinte. Para isso, completamos em conjunto uma ficha de trabalho de revisões dos conteúdos trabalhados ao longo do período e, no final, jogamos ao “Jogo do Comboio”.Este jogo consistirá na representação de um número pedido, na respetiva unidade, dezena, centena, unidade de milhar e dezena de milhar do comboio.
O comboio realizado por nós em cartolina e respetivos números possíveis ficaram afixados no interior da sala de aula.
No final do dia, ensaiamos mais uma vez para a festa de Natal, que se realizará no dia 14 de Dezembro.

 

4ª Feira:
·         9h00 – 10h30: Ficha de Avaliação de Matemática.

 

            A manhã de quarta feira teve início com a distribuição das fichas de avaliação de Matemática por cada criança. Os conteúdos da mesma foram os seguintes: regularidades, tabelas e gráficos, tabuadas, orientação espacial, operações, leitura e escrita de números, sequências, estratégias de cálculo e situações problemáticas.
Fizemos uma breve leitura e explicação das questões da ficha e à medida que as crianças a iam completando, nós íamos percorrendo a sala para esclarecimento de dúvidas.
Terminado o tempo, recolhemos as fichas e as crianças dirigiram-se para o intervalo.
Salientamos que, desta vez, iremos ser nós a fazer a correção das fichas de avaliação, sendo que nas primeiras fichas intermédias fomos nós que as elaboramos.
Esta foi uma semana mais calma, dado que se aproxima o final do período e a festa de Natal. As crianças andam muito entusiasmadas com os ensaios e é um momento de avaliação que elas encaram naturalmente.

 


tags:

publicado por joana-tavares às 19:17
2

Reflexão sobre a semana de intervenção

Esta semana de intervenção foi da responsabilidade da Andreia e como todas as outras foi bastante preenchida.

Na segunda feira, as crianças ouviram a história "Desejo de Natal" e dialogaram um pouco sobre a mesma e onde referiram o seu desejo de natal. De seguida, começaram por fazer postais de Natal, onde apenas o tinham de decorar e para isso, puderam utilizar algodão, papel crepe e massa. Saíram postais fantásticos onde depois escreveram o seu desejo de natal. As crianças pintaram ainda  caixas de ovos para a realização da árvore de natal do Jardim de Infância.

Assistimos ainda a uma dramatização de uma história realizada pela Sala 2, isto é, a outra sala deste Jardim de Infância e podemos dizer que as crianças se comportaram à altura. Ficámos bastante satisfeitas com o comportamento das nossas crianças.

Na terça feira, foi dia de dança e desta vez, a música escolhida para dançar, foi a música "Pinheirinho", dado que estamos numa época natalicia. Assim, nós as duas ensinamos primeiramente a coreografia às crianças e depois todos dançaram em conjunto, até esta estar bem sabida, pois para a semana seremos nós a fazer uma apresentação à outra sala do Jardim de Infância de forma a retribuirmos a dramatização. Para além da dança, fizemos os restantes postais, pintámos pinhas que servirão de árvores de natal para as crianças decorarem e levarem para casa.

Na quarta feira, fizemos expressão motora, onde as crianças inicialmente fizeram o aquecimento e depois realizaram uma pista de obstáculos que era constituida por arcos, onde teriam de saltar a pés juntos e depois ao pé coxinho, contornar com uma bola quatro pinos, manter o equilibrio com um saco de areia na cabeça a caminhar em cima de uma corda e ainda passarem  por debaixo de uma vara. Optámos por repetir o exercicio de equlibrio esta semana, pelo facto de a semana passada termos sentido imensas dificulades por parte das crianças na realização do mesmo. No entanto, podemos dizer que esta semana já conseguiram com muito mais facilidade. Após a aula de expressão motora, fizemos estrelas para colocar numa árvore de natal do agrupamento de escolas, estrelas feitas em pacotes de leite e onde depois escrevemos uma palavra dita por cada criança acerca do que elas se lembravam quando pensavam no natal.

 

E assim terminamos mais uma semana...

Vejam tudo o que fizemos nesta e nas outras semanas no seguinte blog: crescerepartilhar.blogspot.com em breve teremos novidades...

 

 


tags: , ,

publicado por elisabeteamaral às 19:07
2

Autores
Dezembro 2013
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9

15
17
19

24
25
26
27
28

29
30
31


tags

todas as tags

subscrever feeds

RSSPosts

RSSComentários