Blog da UC de Gestão de Comunidades de Aprendizagem online
pesquisar neste blog
posts recentes

Balanço final do trabalho por projeto

Balanço do Projeto de Intervenção

Balanço Geral

As decorações do Natal

Reflexão Intermédia

O Diário de Turma e o Conselho de Turma!

A importância do estágio supervisionado para a formação de professores

Alguma angústias e preocupações durante a prática pedagógica

Estratégias !

Momento de autonomia das crianças

arquivos

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

participar

participe neste blog

Quinta-feira, 1 de Novembro de 2012
Comunidades online vs Papel dos professores

Comunidades online vs papel dos professores

 

A aprendizagem e o ensino num ambiente online é, em muitos aspetos, semelhante ao ensino e a aprendizagem noutro qualquer contexto educativo formal: as necessidades dos aprendentes são avaliadas; o conteúdo é negociado ou estabelecido; as atividades de aprendizagem são orquestradas; e a aprendizagem é avaliada. Anderson (2004)

Tendo isto em linha de conta Anderson e outros autores defendem que uma verdadeira comunidade virtual tem de ter presentes três componentes principais: a presença cognitiva, a presença social e a presença de ensino.

A presença cognitiva é necessária uma vez que a aprendizagem real só se verifica se essa aprendizagem ocorrer num ambiente que apoie e desenvolva o pensamento crítico do aprendente.

Relativamente à presença social esta ocorre quando o ambiente criado na comunidade é um ambiente seguro e onde os participantes se sentam à vontade para comentar e partilhar as suas discordâncias, pensamentos ou ideias.

E por fim temos a presença de ensino, onde entra o nosso tema de pesquisa, o papel dos professores nas comunidades online.

Para que ocorra efetivamente ensino numa comunidade online, o professor primeiramente tem de desempenhar três papéis importantes:

- o papel da conceção e organização das experiencias de aprendizagem que se pretendem alcançar;

- o papel de conceber e implementar atividades que incentivem discussões entre os vários participantes da comunidade

- ser mais que um moderador de experiencias, contribuindo com as suas experiencias em determinados conteúdos.

É através destas atividades que o professor tem a oportunidade de afirmar a sua presença na comunidade.

Uma vantagem de se trabalhar através de uma comunidade online, é a possibilidade de flexibilização do tempo, e ainda a possibilidade de rever e adaptar os conteúdos trabalhados às necessidades dos alunos (o que não se pode verificar tão facilmente noutros métodos de ensino).

Apesar de toda esta flexibilização o professor não deve descorar a sua função de motivar, orientar e apoiar a aprendizagem dos alunos. Estas funções implicam que o docente seja capaz de criar diversas atividades que incentivem o estudo independente, que vá fornecendo frequentemente diversas formas de avaliação formativa e ainda que seja capaz de ir respondendo às necessidades e aspirações dos alunos dando o seu feedback.

O professor tem ainda o papel de criar e recriar materiais, que deve ir colocando à disposição dos participantes, e ainda tem a seu cargo facilitar o discurso, ou seja, o professor deve de criar um ambiente de confiança e segurança dentro da comunidade de forma os alunos se sentirem completamente à vontade para irem colocando os seus pontos de vista e os seus comentários.

 

Cláudia Marques e Liliana

 

Bibliografia:

Anderson, Terry (2004) - "O Processo de Ensino num Contexto de Aprendizagem Online".

 



publicado por claudiarmarques às 19:57

1

De mjoao a 14 de Janeiro de 2013 às 19:07
Viva!
Na mensagem abordam o tema com base num só autor. Sugiro que consultem outros, cruzem a informação (realçando aspetos relativamente aos quais os autores estão de acordo e outros em que as discussão está em aberto, indicando os argumentos). Analisem ainda o que referem os autores com base na vossa própria experiência e perceções sobre o assunto. Por outras palavras, depois de cruzada a informação perguntem-se em que medida esta faz sentido para vos. Por exemplo, eu tenho dúvidas no que respeita à afirmação: "O professor tem ainda o papel de criar e recriar materiais, que deve ir colocando à disposição dos participantes, e ainda tem a seu cargo facilitar o discurso, ou seja, o professor deve de criar um ambiente de confiança e segurança dentro da comunidade de forma os alunos se sentirem completamente à vontade para irem colocando os seus pontos de vista e os seus comentários". Os papéis do professor são sempre os mesmos independentemente dos contextos (nível de ensino, disciplinas, momento da disciplina...)? Que vantagens e desvantagens tem ser o professor a criar/recriar os materiais de ensino ou a facilitar o diálogo?

Digam da vossa justiça!
MJL


Comentar post

Autores
Dezembro 2013
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9

15
17
19

24
25
26
27
28

29
30
31


tags

todas as tags

subscrever feeds

RSSPosts

RSSComentários

RSSComentários do post